fbpx
Now Reading
Mapa Astrológico dos Sonhos

Mapa Astrológico dos Sonhos

Tempo de Leitura: 11 minutos

O Mapa dos Sonhos é uma forma de poder colocar suas intenções para serem manifestadas na sua vida. Ao escrever você tira seus sonhos do plano mental e começa na busca da sua materialização.

Eu diria que você, na verdade, está treinando seu cérebro para poder atingir seus objetivos, tirando do lado inconsciente que faz com que sua vida te guie, para tomar as rédeas da própria vida. Por isso fazer o Mapa dos Sonhos é tão importante.

pensive young lady sitting on rug in modern apartment
Photo by Vlada Karpovich on Pexels.com

Quando fazer o Mapa dos Sonhos

A Lua Nova é o início de um ciclo que dura praticamente um mês. Possui a força de início, porém, é quando o céu fica completamente escuro. Não enxergamos nada no escuro, portanto, precisamos buscar nossa própria luz para poder começar o ciclo.

A Lua, na astrologia, simboliza nosso inconsciente, por isso está diretamente associada a nossa intuição. Representa a nossa ancestralidade feminina, a mãe, a avó, as mulheres. Todas elas possuem o poder de criação: gerar um filho. Não necessariamente devem cumprir o papel de procriadora, mas dentro de todas as mulheres, há o poder de criar uma nova vida.

No antepassado, quando não existiam prédios nem anticoncepcionais, na união das pequenas tribos, as mulheres menstruavam juntas e próximo da Lua Nova. Era o momento de recolhimento. Era quando o útero se renovava, assim como nossas vidas. E na Lua Nova era o momento de recolher, olhar para dentro, e jogar as intenções para o Universo.

Durante a Lua Crescente, a menstruação acabava, o novo ciclo começava e os hormônios faziam com que as mulheres pudessem ter toda a força do mundo para plantar, organizar, liderar, caçar… E, na Lua Cheia, no auge da ovulação, procriar.

Portanto, a Lua Cheia também tem um grande significado. Tem o poder de criar a nossa nova realidade que imaginamos na Lua Nova.

Astrologicamente falando, a Lua Cheia é quando o Sol se opõe a Lua, iluminando a Lua e deixando a escuridão clara. Ou seja, a Lua Cheia trás a consciência para nossa jornada, fazendo possível de enxergar “a luz no fim do túnel“, ou seja, as novas oportunidades. É o momento de ajustar nossos sonhos.

Durante a Lua Minguante, é o momento em que organizamos internamente para que esses reajustes sejam feitos. Geralmente temos que deixar certas coisas, crenças, memórias, pessoas, emoções e sentimentos pra trás, abrindo espaço para o novo novamente. E durante esse período de recolhimento, podemos olhar para dentro de nós, e entender o que realmente faz sentido permanecer na nossa vida e o que precisamos buscar para atingir nossos objetivos.

E o ciclo recomeça.

Portanto, o Mapa dos Sonhos deve começar e recomeçar em todas as Luas Novas e devem ser revisados durante as Luas Cheias.

Porém, existe também o lado racional sobre esses ciclos.

Sonhar faz parte, colocar nossas intenções no papel é trazer do nosso inconsciente para o nosso consciente nossos sonhos. Mas ao longo do tempo e do dia-a-dia, vamos deixando nossos sonhos de lado e voltamos a viver no piloto automático, deixando nossos sonhos em segundo plano, deixando que nosso inconsciente nos guie.

Por isso é essencial reativar os sonhos, voltando com eles para a nossa consciência. Fazendo os devidos reajustes, adicionando novas metas e criando um novo hábito: o de ser a Estrelinha dona da próprio destino.

silhouette of person standing on field
Photo by luizclas on Pexels.com

Como se faz o Mapa dos Sonhos?

O Mapa dos Sonhos nada mais é do que ter um momento seu em que você vai escrever tudo que você gostaria de manifestar na sua vida. Quanto mais detalhes você colocar no papel, melhor. Porque são os detalhes que te direcionam e deixam mais claro para seu cérebro os próximos passos.

Mas, para entrar no clima… É mais gostoso ritualizar o processo!

Na verdade, rituais são excelentes para manter o foco. Porque enquanto você prepara o ambiente, acende uma vela ou um incenso, você está dizendo para seu cérebro: “Oi cérebro, bora trabalhar? Eu quero uma vida melhor, vou escrever tudo e você presta atenção, viu?!“. E nesse processo você concentra naque propósito do momento.

Escrever por escrever não serve. A fé é a sua intenção sobre aquilo. É a fé que vai fazer seu cérebro guardar aquelas informações. Então, entre no clima:

1. Organize e limpe o ambiente porque sua casa também é sagrada

young happy woman drying glass with towel
Photo by Liza Summer on Pexels.com

Nosso lar é onde descansamos e, atualmente, onde muitos trabalham também. É importante estar em um ambiente organizado e limpo porque inconscientemente você tende a ficar mais disperso quando as coisas estão fora do lugar, quando o ambiente não está limpo.

Conscientemente, um ambiente meio bagunçado talvez não te incomode. Mas seu cérebro capta tudo que está ao seu redor. Existem pessoas mais tolerantes com a bagunça e tem outras menos tolerantes.

Geralmente, essas pessoas menos tolerantes com bagunça, como o arquétipo do signo de Virgem, são mais eficientes porque tem o poder de se concentrar mais. Isso porque seu cérebro não precisa absorver toda a “poluição” visual ao seu redor e consegue focar fluidamente no que é preciso fazer. Já o arquétipo de Peixes mostra exatamente o caos, da qual é necessário usar totalmente a intuição, ou seja, fechar os olhos e enxergar dentro de si para ignorar o caos do mundo externo.

Portanto, como estamos falando sobre trazer para a consciência nossos sonhos, vamos organizar o caos e sermos eficientes!

Abana o tapete, limpa a casa, organiza os móveis. Enquanto isso, mentalize que você está limpando tudo aquilo que não precisa mais na sua vida, está eliminando as coisas ruins e organizando suas ideias e emoções.

2. Tome um banho para lavar a alma

person holding book page on white table
Photo by Taryn Elliott on Pexels.com

Depois de limpar a casa, você esperava que o quê? Sentar e escrever com aquele cheirinho de suor? Sai fora! Bora tomar um banho, tirar esse suor do corpo e dar seguimento ao processo de concentração e treino para nosso cérebro.

O banho pode incluir diversas ervas que vão potencializar esse momento.

Depende da sua intenção. Se você estiver muito agitada, possivelmente você vai querer acalmar. Se foi uma semana super corrida que te deixou exausta, então, você vai querer se energizar. Então, busque na fitoterapia as flores, ervas, essências que possa estimular esses seus sentidos. Eu super recomendo a Bruna Asseiro porque ela sabe tudo sobre plantas e poderia te auxiliar nessa jornada.

Durante o banho é o nosso momento sozinha. E, convenhamos, é um momento em que é natural vir diversos pensamentos quando deixamos a água cair na nossa cabeça, lavando o corpo. Claro, quando você não está apenas tomando um banho por tomar e super rápidinho só para lavar as cracas, né Estrelinha? Mas quando você se permite, o banho é um momento seu.

É o momento de cantar sozinha, de pensar nos diversos argumentos que você poderia ter usado naquela conversa que não levou a lugar nenhum, em um situação que já passou e você está ali revivendo, ou no que você gostaria de fazer em breve, no final de semana, naquela festa maravilhosa, naquele beijo gostoso, enfim! É o momento mais seu. E por isso ele sempre está incluso em diversos rituais.

Então, durante o banho, comece a focar seus pensamentos para o propósito do dia: O Mapa dos Sonhos.

Pense:

  • Como tem sido minha vida?
  • Como eu gostaria que minha vida fosse?
  • O que eu poderia fazer para melhorar minha vida?
  • Quais as minhas limitações para atingir a vida que eu gostaria de ter?
  • Como eu podria diminuir essas limitações para atingir a vida que eu gostaria de ter?

E se você quiser… coloque uma musiquinha, foque no momento presente. Sinta a água caindo. Relaxe.

3. Prepare o ambiente energeticamente

lighted candle near bronze bowl
Photo by Magicbowls on Pexels.com

Você pode acender um incenso, fazer reiki, jogar um punhadinho de sal nos cantos ou fazer uma reza, soprar canela, qualquer superstição ou ritual que você acreditar. O importante, é você sentir bem onde você está e fazer com intenção.

No lugar onde for escrever, você pode acender uma vela e fazer uma oração. A vela é a conexão com o divino, mas também é a sua conexão consigo mesmo. A oração é quando você fecha os olhos e fala para si, é um pequeno momento de meditação. Portanto, não precisa rezar “Pai Nosso” ou “Ave Maria”. Se você quiser, faça. Mas apenas mentalize e coloque a sua intenção ali.

Diga para si mesmo como uma oração:

Hoje eu estou aqui, presente, de corpo e alma, para trazer para o meu consciente todos meus desejos inconscientes. Eu quero e vou conseguir ter a vida dos meus sonhos. Eu quero deixar tudo aquilo que me limita no meu passado e agora eu vou caminhar conscientemente para atingir meus objetivos.

Abra os olhos e sinta-se preparada para começar o processo.

4. Papel, caneta e mãos à obra!

person holding white ceramci be happy painted mug
Photo by Lisa on Pexels.com

No primeiro momento, na Lua Nova, é a hora de sonhar e colocar as intenções no papel.

Não coloque limite, nem nos seus sonhos nem no seu tempo. Tenha tempo para fazer e não se apresse. No início é muito mais difícil de fluir porque os sonhos parecem “apenas sonhos” e nem sempre estamos totalmente conscientes do que realmente queremos da nossa vida.

Dê tempo ao tempo e anote tudo que vier na sua cabeça. Sem censura. Aos poucos você vai notar que uma coisa leva a outra e você vai criando uma teia de sonhos que se conectam e se estruturam por si só. Mas não é fácil no início.

Por esse motivo eu resolvi criar o Mapa Astrológico dos Sonhos!

Escrever sem um guia acaba ficando muito vago. Eu usei dos arquétipos de cada signo, da qual representa uma área da sua vida, para direcionar seus sonhos. Assim, fica mais fácil de visualizar suas intenções!

Durante a Lua Cheia é momento de revisar e enxergar novas oportunidades para atingir de fato aqueles objetivos.

Nesse momento você vai ler as intenções da Lua Nova para refrescar a memória. Vai notar que certas coisas estavam realmente muito fora do alcance. E não tem problema nenhum. Ao longo da lua crescente, você foi encontrando meios para atingir esses sonhos, mas nem tudo foi muito assertivo. Por isso, é o momento de revisar.

Para cada sonho, pondere com a sua realidade e coloque metas que possam te ajudar a chegar mais rápido nesse sonho. Mesmo que seja algo a longo prazo, o que você poderia fazer hoje para conseguir atingir seus sonhos? Mesmo que seja coisas pequenas ou bobas, não se julgue, apenas enxergue novas oportunidades e aceite novos desafios.

Na próxima Lua Nova, você pode rever e adicionar novos sonhos e metas… E seguir fazendo o mesmo processo em todas as lunações!

5. E acabou? Ainda não…

person writing on a pink sticky note
Photo by Ron Lach on Pexels.com

É bom guardar todos os Mapas dos Sonhos feitos mensalmente. Depois de um ano, veja sua evolução: é mágico! Reconhecer nosso crescimento é gratificante, nos faz ter a sensação de que estamos de fato evoluindo. E isso gera ainda mais recompensa para o nosso cérebro poder guardar na memória consciente o que queremos atingir.

See Also
food wood woman relaxation

Por isso, é sempre MUITO importante AGRADECER!

No final de todo Mapa dos Sonhos, faça um Mapa da Gratidão. Reconheça sua evolução, sua jornada, o tanto que você já cresceu, suas conquistas. Desde as pequenas coisas até as grandes.

Agradeça pela vida, pela comida, pelas pessoas ao seu redor. Agradeça porque você conseguiu fazer algo que não fez antes. Agradeça por ter avançado mais em alguma questão sua. Agradeça por tudo. E se puder, escreva também. Deixe guardado para ler depois. Isso também ajuda a trazer o sentimento de recompensa para seu cérebro.

Mapa Astrológico dos Sonhos

Não é um Mapa Astral, mas pode ter muito a ver com o seu Mapa Natal. É incrível que, quanto mais conectado com a nossa essência, mais buscamos realizar aquilo que está conectado com o nosso Mapa Natal.

Porém, o Mapa Astrológico dos Sonhos quem faz é você!

Para facilitar, você pode baixar o Mapa Astrológico dos Sonhos e imprimir, ou você pode recriar o seu próprio de acordo com o simbolismo de cada casa e signo astrológico.

Mapeando seus sonhos com a Astrologia

wood nature fashion dark
Photo by RODNAE Productions on Pexels.com

A primeira vez que você faz o Mapa Astrológico dos Sonhos é a mais longa e demorada porque você precisa pensar e trazer para consciência diversos fatos sobre si. E tende a incomodar. Mas só podemos chegar nos nossos sonhos à medida que conseguimos nos conhecer melhor, entendendo nossas limitações e trabalhando para que elas não nos limitem mais. Tudo isso é um processo. O primeiro passo é reconhecer.

Depois, no momento da revisão do Mapa dos Sonhos, essas questões tendem a se desenvolver mais. Outras questões podem aparecer e aos poucos, chegamos cada vez mais próximos dos nossos sonhos, liberando o caminho, deixando as nossas crenças limitantes para trás, cocriando uma nova realidade que tanto desejamos.

Escreva no papel respondendo todas as perguntas abaixo:

Casa 1 – Áries: Como você tem lidado e como gostaria de agir com as pessoas ao seu redor? Quais atitudes você poderia melhorar? O que você poderia fazer para se sentir mais assertiva(o)? Quais projetos ou hábitos você gostaria de iniciar? O que você poderia fazer para aumentar sua energia vital e força de vontade para conquistar o que deseja? O que você poderia fazer para sentir bem consigo mesma(o)?

Casa 2 – Touro: O que você gostaria de ter e por que isso é relevante na sua vida? O que você poderia deixar de ter na sua vida e por que segue com você? (Bens materiais, questões emocionais, valores, princípios). O que te dar prazer? Como trazer mais momentos prazerosos para sua vida?

Casa 3 – Gêmeos: Você tem se comunicado de maneira eficiente? Se não, como você poderia melhorar? O que você poderia aprender para agregar na sua vida? Como você pode melhorar sua concentração e foco?

Casa 4 – Câncer: Você reconhece alguma crença que te limita alcançar seus sonhos? Quais são elas e por que elas te limitam? Existe alguma questão do passado, memórias ou traumas que te impedem de seguir sua caminhada? Quais são elas e por que elas te limitam? Como você poderia superar esses desafios ou pelo menos amenizar o impacto que essas limitações te causam? Quais sentimentos você carrega sobre seus pais? Como você imagina uma família ideal? Como você contribui para essa família ideal?

Casa 5 – Leão: Se você pudesse criar um personagem ideal, como ele seria? Escreva detalhadamente todas as características desse personagem fictício. Agora, o que você poderia fazer para se tornar essa versão ideal? O que você poderia fazer para aumentar o seu amor-próprio? O que você poderia fazer para se tornar autoconfiante?

Casa 6 – Virgem: Como você pode ajustar sua rotina para ser mais eficiente? O que você pode fazer no seu dia-a-dia para balancear sua saúde física e mental? Quais hábitos você gostaria de criar ou eliminar da sua vida?

Casa 7 – Libra: Qual tipo de parceiros(as) você tem atraído para sua vida? Como seria as características de um parceiro(a) ideal? Descreva com detalhes, de corpo, mente e espírito. Isso também é válido para parcerias nos negócios. O que você poderia melhorar no seu relacionamento? O que você mais gosta no seu relacionamento e gostaria de manter? Quais hábitos ou questões no relacionamento você poderia eliminar?

Casa 8 – Escorpião: Você tem usado sua intuição? Tem confiado no seu sexto sentido? Tem investido no seu autoconhecimento? Como tem controlado seus impulsos ? Como tem despertado seus desejos? Tem se aprofundado dentro de si para entender suas questões? Como você pode trazer para consciência padrões de comportamento? Tem feito alguma terapia para te ajudar no despertar da consciência? Tem se conectado com a espiritualidade para te ajudar nesse processo? Como você pode melhorar seu desejo sexual?

Casa 9 – Sagitário: Você tem buscado expandir seu conhecimento? Tem compartilhado suas experiências? Quais tipos de experiências e conhecimentos podem ser adquiridas para te ajudar na sua jornada? Quais são seus objetivos de vida (longo prazo)? Quais suas metas a curto prazo? (curto prazo pode ser até a próxima lunação ou no período de 6 meses) Tem alguma viagem em mente? Quais?

Casa 10 – Capricórnio: Como você pode alcançar esses seus objetivos de vida e metas? O que você pode fazer para se preparar e planejar seu futuro? O que é sucesso para você? Como você pode alcançar esse sucesso?

Casa 11 – Aquário: Qual seu diferencial? Quais pessoas poderiam te ajudar para atingir sua realização pessoal e profissional? O que você sente que te faz ser única(o)? Como você pode trazer mais autenticidade e espontaneidade para sua vida? Quais assuntos na sua vida seria interessante maior compreensão e pesquisa? Onde você pode buscar essas informações? O que você pode fazer para deixar sua marca no mundo? Você costuma fazer trabalhos voluntários? O que você poderia fazer voluntariamente para ajudar o outro?

Casa 12 – Peixes: Qual é o seu maior sonho? (Sem censura, escreva o que você mais gostaria de ter ou realizar na sua vida, com detalhes). Você se considera uma pessoa criativa? Você pratica e tem praticado algum tipo de arte? (dança, música, desenho, escrita, esporte como Kung Fu, jogos criativos que pode trazer solução para questões, …) Como você se conecta com a espiritualidade? (Não é religião, mas pode ser considerado também. É importante ter um momento para desenvolver o lado espiritual, através de rituais, praticando alguma ferramenta intuitiva, lendo livros sobre o tema, meditando…).

Ao longo das Luas Novas e Cheias você vai agregando e avaliando sua jornada, transformando sua realidade!

Porque todos somos estrelas!

Copyright © 2021 | All rights reserved

Would like to translate it?